PATO BRANCO TERÁ RESTAURANTE POPULAR

Evandro Fadel/SEAB-PR

Evandro Fadel/SEAB-PR

O munic√≠pio de Pato Branco, no Sudoeste, vai construir um Restaurante Popular com recursos de R$ 4,8 milhões, resultado de conv√™nio entre a Secretaria da Agricultura e do Abastecimento (Seab) e a Prefeitura Municipal. Do total, R$ 3,3 milhões serão investidos pela Seab e R$ 1,5 milhão é o valor da contrapartida do munic√≠pio. O espaço atender√° inicialmente 450 pessoas por dia, mas o projeto prev√™ o fornecimento de até mil refeições di√°rias.

"Essa iniciativa vai atender todos aqueles que estejam em insegurança alimentar. É uma rede importante de acolhimento, de proteção, de dar dignidade a quem mais precisa", destaca o secret√°rio estadual da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara.

São alvos priorit√°rios do atendimento por meio do restaurante popular os idosos, trabalhadores, estudantes, aposentados, moradores de rua, desempregados, ambulantes, fam√≠lias e indiv√≠duos em situação de vulnerabilidade e risco social. Pelo projeto técnico, o munic√≠pio deve firmar parcerias com universidades para oferecer cursos no mesmo espaço, como orientações sobre alimentação saud√°vel, oficinas sobre o consumo consciente de sal e aç√ļcar e capacitação de boas pr√°ticas para manipulação dos alimentos.

"Agradecemos essa ajuda, depois de muita luta. Nós devemos muito à Seab", disse o prefeito de Pato Branco, Robson Cantu. A princ√≠pio, a proposta da Prefeitura é fazer uma cobrança progressiva pela alimentação, a partir de R$ 1,00 a R$ 7,00, conforme o p√ļblico a ser atingido.

A formalização do conv√™nio, em reunião na Seab nesta segunda-feira (29) contou com a presença do secret√°rio estadual do Planejamento, Guto Silva, do deputado estadual Luiz Fernando Guerra e dos servidores do Departamento de Segurança Alimentar e Nutricional da Seab, Fl√°via Edimara da Silva e Jackerson Conrrado.