Em Palmas, duas mortes e quatro baleados com gravidade após briga por R$ 10

Crédito: PMPR

Crédito: PMPR

A noite de sexta-feira (21) e a madrugada deste sábado (22) foram tensas no bairro São Francisco, em Palmas (PR), em que foi acionada a Polícia Militar. Duas pessoas mortas, quatro baleados, residências e uma igreja incendiadas.

Os primeiros fatos foram registrados no início da noite. Segundo informações, um culto estava sendo realizado, quando a energia do local caiu e o pastor solicitou a algumas pessoas, que estavam em frente ao local, para que ajudassem a consertar algo no poste para que a luz voltasse.

Nesse momento, o pastor foi abordado por um homem, que sugeriu que lhe pagasse R$ 10 para ele arrumar a energia, ao qual foi negado.

Na sequência, o homem teria partido para cima do pastor para lhe agredir, mas foi contido por outras pessoas.

Após os fatos, o homem foi até a sua residência e, minutos depois, retornou ao local com seus dois irmãos.

Armados, eles iniciaram uma discussão com os demais, quando disparos de arma de fogo foram efetuados, atingindo cinco homens. Todos foram socorridos, porém um deles (de 25 anos) não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Na madrugada, populares acionaram a polícia novamente, relatando que aproximadamente quatro pessoas encapuzadas, chegaram à igreja [que fica junto à residência do pastor] e tentaram atear fogo na casa e no veículo, devido os fatos ocorridos no início da noite.

O pastor percebeu a movimentação e abriu a porta para ver o que estava acontecendo; e, quando abriu a porta, foi alvejado por vários disparos de arma de fogo.

A PM encontrou o pastor caído na entrada da residência já sem respiração e sem batimentos cardíacos. Foi acionado o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), o qual esteve no local e constatou o óbito. Populares relataram que não conseguiram identificar os autores.